Postura e Ponto de Ancoragem

Ideais para melhorar a sua performance em provas de tiro esportivo de estilingue

Agora que já estamos dando nossos tiros de estilingue é chegada a hora de nos aprimorarmos.

Um dos assuntos mais abordados é a questão da postura do atirador.

Não sei se estou muito certo, mas acredito que muito do que se fala foi tirado das técnicas de tiro da arqueria.

Assistindo a vídeos e lendo blogs sobre estilingues, pude notar que existem vários estilos para a prática deste esporte, no entanto, um praticante que me chamou muito a atenção foi o JOS do Laresortera México.

Em um de seus vídeos ele afirma que para melhorar a técnica de tiro é preciso apoiar-se em 3 pilares: a postura, encontrar o ponto de mira e repetir sempre a mesma ação para obter sempre resultados positivos.

Vamos nos ater a questão da postura, neste momento.

Para chegarmos a uma postura adequada em relação a um alvo é muito simples. Basta nos colocarmos em pé, de frente e em perpendicular ao alvo, numa posição confortável e esticarmos os dois braços, mantendo-os na mesma altura.

Se você faz a empunhadura com sua mão direita, que deve estar apontando para o alvo, apenas vire a cabeça para o lado direito e dobre o cotovelo da mão esquerda, assim, mantendo as duas mãos apontando no mesmo sentido. Se faz a empunhadura com a mão esquerda, esta deve estar apontando para o alvo, então, apenas vire a cabeça para o lado esquerdo e dobre o cotovelo da mão direita, apontando as duas mão no mesmo sentido.

Para facilitar o entendimento, dê uma olhada nas fotos abaixo:


Agora vamos falar sobre o ponto de ancoragem. Segundo JOS é necessário que utilizemos sempre o mesmo ponto de ancoragem. O ponto de ancoragem é o local de nosso rosto, no qual iremos tocar com a mão que segura a malha (courinho onde fica o projétil). basicamente existem dois locais preferidos, sendo o primeiro colocando o dedo polegar no maxilar, ou na altura da nossa mandíbula, ou na altura do início da maçã do rosto e o segundo na altura de nossos olhos. Seja qual for o seu, não mude nunca, mantenha sempre o mesmo ponto de ancoragem.

O braço que segura a forquilha deve sempre estar na mesma altura e a posição da forquilha na mão deve ser sempre a mesma.

A postura é um conjunto harmônico que deve ser sempre o mesmo, ou seja, se o alvo estiver abaixo, devemos apontar para ele movendo todo o conjunto e não apenas a mão que vai a frente, ou mesmo alterando o ponto de ancoragem.

Esta é uma técnica que me ajudou bastante neste começo, pois eu conseguia um bom tiro inicial e depois vários errados. Esta técnica já me possibilitou uma constância melhor na sequência de tiros.